Educação feminina no Brasil e em Portugal: um passo para a feminização do magistério

  • Amanda Oliveira Rabelo UFF

Resumo

Este artigo apresenta um histórico de como a educação feminina foi tratada desde o período da colonização do Brasil por Portugal até os dias atuais e de como esta se relacionou com a feminização do magistério primário. Apresentaremos um esboço de algumas abordagens teóricas sobre história da educação, elegendo bibliografias de ambos os países que fizessem análises históricas com escolhas documentais alargadas e/ou diferenciadas, que deram ênfase também à análise das narrativas e dos discursos, bem como buscamos algumas fontes oficiais e dados estatísticos. Deste processo, concluímos que a forma como a escolarização feminina iniciou-se foi um dos primeiros passos para que acontecesse a feminização do magistério.

Publicado
2019-11-28